Sombras e sonhos lido e comentado.

O livro Sombras e sonhos, publicado pela Balão Editorial, se trata da primeira experiência de Álvaro Domingues na literatura. Conhecido com resenhista de livros, filmes e gibis no Blog do Pai Nerd, não dá pra dizer que tenha começa mal.

Pra falar a verdade, fiquei bastante surpreso com a qualidade de alguns trabalhos. Não que todos sejam, a meu ver, bons, mas aqueles que surpreendem fazem compensar a leitura.

Álvaro alterna momentos bons com outros ingênuos. Alguns trabalhos maduros em meio a outros ainda sem consistência. Surpreende com textos onde o fantástico se assoberba, mas também apresenta outros aparentemente sem sentido, nem direção.

Essa flutuação é esperada num primeiro trabalho e me parece demonstrar as fases distintas de criação que esses textos tiveram, como se tivessem sido escritos ao longo dos anos, acompanhando lentamente o amadurecimento do autor.

Álvaro Domingues manipula emoções, mexe com a alma de seus personagens. Trabalha o aspecto humano com genuína sensibilidade. Apesar dos altos e baixos, demonstra claramente que está muito próximo de saber lidar plenamente com a realidade que o cerca, transformando-a fantasticamente ao toque de sua varinha de condão.

Não vou analisar conto a conto como faço normalmente porque fatalmente acabaria sendo injusto com o autor. São 39 contos, muitos deles curtos. Há também poesia. E poesia não é a minha praia. Prefiro ressaltar aqui os contos que mais gostei, comentando-os.

• E se…

Comovente história sobre viagens no tempo, resgate de traumas, enrodilhamento em paradoxos temporais e difíceis decisões. Apesar de lidar com viagens no tempo, encaro a FC quase ausente nessa narrativa, uma ferramenta necessária para dar consistência à abordagem rica em emoção.

• Por toda a eternidade.

Flautista de Hamelin atraia ratos com a melodia de sua flauta. Um saxofonista que estudava com ele atraia… Fantástica história com o dom de encantar.

• Um único olhar.

Barman mergulhado em reflexões. O autor revela uma veia poética intensa e um otimismo que, mesmo permeado pela crueldade do dia-a-dia, insiste em sobressair.

• Amálgama.

Prosa problemática, mas história bonita e intrigante.

• Sonho lúcido.

Premissa interessante cuja conclusão levou a um final previsível mas correto.

• A nossa imagem e semelhança.

Desconcertante história sobre máquina que adquire consciência. Premissa pouco inovadora mas bem conduzida.

• Fruto proibido.

Deus pode se manifestar das maneiras mais insuspeitas.  Conto muito legal sobre jovem que tem nas mãos o futuro da humanidade.

• Anima

História que consegue ser excitante. Fala sobre uma mulher, fruto da imaginação sexual de um homem, que se revela mais do que uma fantasia.

• Palácio colorido.

Conto curto (cinco linhas) e cheio de significado.

• Tela em branco

Idem acima.

• O chamado da floresta

O passado de uma criança revelado numa história de fantasia maravilhosa. Achei incrivelmente boa.

Os demais trabalhos se alternaram entre aqueles que nada me disseram (não significa que sejam ruins), os que nada tinham a dizer (alguns por serem ruins) e aqueles que passaram incólumes, como se eu nem os tivesse lido. Nem por isso a antologia pode ser considerada deficiente. Os contos citados acima são surpreendentes, uns mais do que os outros, e valem a leitura de Sombras e sonhos.

Minha recomendação ao autor é de que burile melhor o talento que tem em lidar com a sensibilidade de personagens e leitores e que nos brinde com um segundo livro mais maduro e equilibrado.

Anúncios

Tags: , , ,

5 Respostas to “Sombras e sonhos lido e comentado.”

  1. Tweets that mention Sombras e sonhos lido e comentado. « -- Topsy.com Says:

    […] This post was mentioned on Twitter by Junior Cazeri and Delfin, tmoricz. tmoricz said: Sombras e sonhos lido e comentado.: http://wp.me/pAp8d-Hg […]

  2. Alvaro Domingues Says:

    Muito boa a sua resenha. Realmente os contos foram colhidos durante um longo tempo e também ficaram um longo tempo esperando uma edição decente.

  3. Guilherme Kroll Says:

    Muito boa a resenha, Tibor. Sincera e honesta, como deve ser.

  4. Saint-Clair Stockler Says:

    O mais importante foi que me deu vontade de ler o livro 🙂

  5. Lurdes Domingues Says:

    Gostei muito do livro do Pai Nerd, figura simpática, bem humorado e fantástico. Parabéns pela resenha encorajante.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: