Dieselpunk anuncia autores escolhidos.

Foram lançadas, este ano, duas coletâneas que encarei com elevada seriedade e julguei importantes demais para ficar fora delas. Claro que sempre soube que as minhas chances ombreavam as mesmas de dezenas de outros candidatos e na escolha dos melhores eu poderia ser recusado.

Tratam-se das coletâneas Queer (Tarja editorial – organização de Cristina Lasaitis e Rober Pinheiro) e Dieselpunk (Editora Draco – organização de Gerson Lodi-Ribeiro).

A noveleta para a Dieselpunk ficou pronta primeiro (+ ou – duas semanas para escrevê-la), mesmo porque essa coletânea foi anunciada bem antes (já no último Fantasticon, extraoficialmente). Mas, por outro lado, o conto para a Queer foi o que menos me tomou tempo. Escrevi-o em meras duas horas, embora dar o primeiro passo tenha levado algumas semanas.

Ambos os trabalhos tem para mim uma grande importância porque dei a eles o que tinha de melhor. Tanto um quanto o outro passou pela leitura atenta de alguns leitores beta e ambos foram bastante elogiados. Enviei-os na certeza de estar concorrendo a uma vaga com boas chances de obtê-la.

Bem, fui recusado na Queer e isso me deixou chateado, como, claro, não poderia deixar de ser. Qualquer escritor com o mínimo de miolos na cabeça fica chateado quando é recusado para um projeto. Desejo à essa coletânea todo o sucesso do mundo e que seja precursora de outras tão inovadoras quanto ela.

Mas, por outro lado, fui aprovado para a Dieselpunk. E estou radiante com isso já que reputo a Gerson Lodi-Ribeiro umas das mais importantes cadeiras dentro da literatura de gênero nacional e ter um trabalho aprovado por ele significa muito para mim (significa muito para QUALQUER um).

Com bastante orgulho, dividirei espaço com:

– Antonio Luiz Costa – Ao perdedor, as baratas

– Cirilo Lemos – Auto do extermínio

– Sidemar castro – Cobra de fogo

– Octavio Aragão – O dia em que Virgulino cortou o rabo da cobra sem fim com o chuço excomungado

– Carlos Orsi Martinho – A fúria do escorpião azul

– Tibor Moricz – Grande G

– Hugo Vera – Impávido colosso

– Gerson Lodi-Ribeiro – País da aviação

– Jorge Candeias – Só a morte te resgata 

Com lançamento já programado para acontecer no próximo Fantasticon, antecipo-me bastante atarefado nessa data. Autógrafos para a Dieselpunk, autógrafos para O Peregrino. Para um autor não há nada melhor do que isso, ou há?

Parabéns à Editora Draco, parabéns ao organizador e parabéns a todos os escolhidos que figurarão nessa importante coletânea.

Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

40 Respostas to “Dieselpunk anuncia autores escolhidos.”

  1. Marcelo Bighetti Says:

    Parabéns Tibor!

  2. Roberto de Sousa Causo Says:

    Meus parabéns, Tibor.

  3. Saint-Clair Stockler Says:

    Parabéns, Dr. Moricz!

    Como seu revisor oficial, gostaria de lembrar-lhe de me encaminhar um exemplar grátis =]

    • Tibor Moricz Says:

      Cara, não tenho certeza, mas acho que só receberei UM exemplar. Quer que eu lhe mande esse?

  4. Artur Lins Says:

    Tibor, Contente. Parabéns.
    Ainda espero ler O Peregrino.
    Abraços!

  5. Osíris Reis Says:

    Parabéns, Dr. Moricz! (2)

    Não sei se chegaste a ver no twitter, mas realmente fiquei admirado pela tranquilidade com a qual postaste que não irias participar da coletânea Queer. Assim, dava para sentir, é claro, a tristeza, mas a maneira de lidares com ela realmente me fez pensar: “Quero ter essa capacidade para cada trabalho meu que não chegar onde eu queria”.

    Como se eu já não te admirasse por todo o teu trabalho, aqui no esooutroblogue.

    E cara: realmente, o time dos teus companheiros na coletânea Diesel é realmente de cair o queixo. É uma conquista e tanto, e apesar da minha grana curta vou dar um jeito de adquirir um exemplar.

    Grande abraço e sucesso!

    • Tibor Moricz Says:

      Obrigado, Osiris.
      Lidar bem com a rejeição é uma necessidade básica do autor. Sei que concorri com outros tão bons quanto, lado a lado com trabalhos que gritavam a sua qualidade. Não sei quais critérios me excluíram na Queer, mas entendo que sejam eles quais forem, terão sido muito bem empregados. Desejo MESMO sucesso à coletânea e irei lê-la, com certeza. Acreditei pessoalmente que minhas chances na Queer eram melhores. Deu zebra…rs
      Obrigado pelo parabéns e tenho certeza de que meu conto na Dieselpunk irá… bem, surpreendê-lo.

  6. Gerson Says:

    “Lidar com a rejeição”, sem dúvida.
    Eu diria que faz parte de ser escritor.
    Escritor precisa ter couro de rinoceronte.
    Porque, enquanto o editor pensa “não rejeito pessoas, só rejeito papel (agora bits)”, todo escritor sabe que, no fundo, o que o editor rejeitou é o que ele tem de mais profundo, seu âmago, sua alma.😉

    • Tibor Moricz Says:

      Eu digo coisas bonitas, defendo-me como um autor esportivo, que está aí para concorrer e não para ganhar, mas garanto que quando encontrar
      a Cris e o Rober pela frente, vou cobri-los de porrada…rsrs

  7. Paulo Fodra Says:

    Só tem fera! Com esse time, já estou ansioso pelo lançamento. Parabéns, Tibor!

  8. Hugo Vera Says:

    Parabéns para nós…
    Também fui recusado na Queer, e nem sempre a gente ganha. Mas hoje foi o dia de ganhar! hahahah!😉

  9. Josué de Oliveira Says:

    Parabéns, cara, e sucesso. Minha noveleta não passou na seleção, mas é isso tudo que já foi dito aqui e sintetizado pelo Gerson: escritor tem que ter couro de rinoceronte.

  10. Tibor Moricz Says:

    Obrigado, Josué.

  11. Braulio Tavares Says:

    Tibor: com meia centena de rejeições no currículo, tudo que posso dizer é: Se você espalha 100 sementes pela terra e somente uma delas germina, isso não é uma derrota por 99×1, é uma vitória por 1×0.

  12. Daniel Moricz Says:

    Que legal Tibor!! Parabéns! Cadê meu peregrino??
    ahuahua
    Abraços!
    Ah e se quiser me mandar o conto da Queer que não entrou não acho ruim não!!!
    Abraços!!

  13. Paulo Fodra Says:

    Tibor, há planos de publicar o conto submetido à Queer no blog?

    • Tibor Moricz Says:

      No blog, não, Paulo. Estou preparando uma antologia e esse conto, juntamente com outros também inéditos, o comporão. Por causa desse antologia não recebi a dispensa da Queer com tanto aborrecimento. Um conto inédito é importante para alguém que atualmente não escreve mais contos com frequência (como eu). Escrevo-os quando há algum projeto em andamento ou alguma coletânea cuja submissão me é interessante. Venho dando preferência a romances ultimamente.

      • Paulo Fodra Says:

        Melhor para nós, pois esse conto virá acompanhado de outros em uma antologia. Desejo sucesso em mais esse projeto!

  14. Sid Castro Says:

    Parabéns para nós, Tibor… também estou nessa. Aliás, será que Brinquedos Mortais sai até (ou na) Fantasticon? De todas as coletâneas que concorri participação, a Dieselpunk e a organizada por você são as que mais prezei ter sido selecionado… abraços!

  15. Gerson Says:

    Pois é. Autor que nunca recebeu rejeição que atire a primeira pedra!😉

  16. Daniel Borba Says:

    Congrats, my friend!

  17. Marcel Breton Says:

    Parabéns, Tibor!
    Eu bem que tentei, mas não tive uma mísera ideiazinha aproveitável para esta coletânea… Desejo sucesso para todos os envolvidos!

  18. Parreira Says:

    Yéisssss, Tibor!

    Lçto na Fantasticon? Estarei lá, com certeza!

    • Tibor Moricz Says:

      Nos veremos no Fantasticon, com certeza. Mas pode ser antes, também. Lançamento de O Peregrino na Martins Fontes, dia 28 a partir das 15h. Apareça lá!!

  19. Flávio Medeiros Says:

    Grande Tibor! tem scrap para você no Orkut. passe lá, ou entre em contato. Abs!

  20. Camila Fernandes Says:

    Parabéns pelo seu ingresso em ambas as coletâneas, que prometem leituras muito interessantes. Aguardo os lançamentos!

    • Tibor Moricz Says:

      Não fui aprovado para a Queer, não, Camila. Você se enganou (queria que esse engano NÃO FOSSE um engano…rs)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: