Cira e o Velho – Lido e comentado.

Tenho lido menções do livro Cira e o Velho de Walter Tierno há tempos nas redes sociais. Nem todas elogiosas (embora reconheça que muitas foram feitas por pessoas que aparentemente não gostam/gostavam de Tierno. Assim, impossível encará-las com a devida seriedade).

Giulia Moon acabou por abreviar essa leitura que, cedo ou tarde, acabaria acontecendo. Entrou em contato oferecendo-me seu livro para resenha e propôs que eu lesse também dois outros, um deles o objeto dessa postagem.

Cira — a protagonista — é guerreira e bruxa. Trás nos ombros a caveira de Norato, seu pai, e luta para vingar a morte da mãe, provocada pelo sertanista Domingos Jorge Velho.

É uma história aderente. A prosa de Tierno é madura e ele conseguiu me conduzir pela trama sem tropeços. O desenrolar se inicia perto de 1680, antes da guerra dos Palmares. Tierno mistura fantasia e fatos históricos com competência, derrama sobre o leitor uma cornucópia de entes mágicos folclóricos, cidades fantásticas, lendas exuberantes, lutas ferozes.

Bem definidos no livro estão os dois arcos narrativos que se interligam. No primeiro, o Velho persegue Cira e sua mãe para matá-las. No segundo, Cira o persegue para vingar-se. No intermédio, vários quiproquós exigem da heroína o máximo de sua força e esperteza.

Tierno traz a história bem presa a reboque até os dias atuais, onde a magia inerente ao passado se perde na concretude de uma contemporaneidade cinzenta e melancólica.

Ao longo da história nos deparamos, aqui e ali, com momentos que poderiam ter sido melhor explorados, ou crises cujas soluções abusaram da simplicidade ou da conveniência, mas nada que prejudique a minha visão geral da obra.

Publicado em 2010, Cira e o Velho tem tudo para agradar em cheio qualquer leitor de gênero e, mais especificamente, aqueles que reclamam um uso maior do nosso rico folclore em histórias mais brasileiras. Trata-se de um bom livro de entretenimento. Leitura recomendada.

Capa e revisão competentes.

***

Cira e o Velho

Editora: GIZ Editorial
Gênero: Fantasia
Formato: 14 cm x 21 cm
Páginas: 229

Tags: , , , , , ,

3 Respostas to “Cira e o Velho – Lido e comentado.”

  1. Saint-Clair Stockler Says:

    Bem, eu já desconfiava de que o livro era bom. Agora, então, estou empolgadíssimo pra ler! Estou cansado das toneladas de lixo na Fantasia brasileira com que estamos sendo soterrados nos últimos anos (a FC por aqui, por atrair menos leitores e autores, está meio que a salvo disso; a qualidade média na FC tupiniquim é BEM maior do que a qualidade média da Fantasia brasileira que, repito, vem decaindo bastante nos últimos anos – acho que é o preço a se pagar, ao menos por enquanto, pela sua popularização).

    Parabéns ao Tierno por, a julgar pela sinopse, ter criado uma Fantasia com genuína cara brasileira!

  2. Artur Lins Says:

    Concordo com o Stockler. A Fantasia, gênero assoberbado após toneladas de HP e Crepúsculo, possui, aqui no Brasil, subprodutos dignos de uma, para não falar coisa pior, indústria de reciclagem de papel. A nossa FC, por outro lado, é competente e tende a melhorar.
    Fico, aidna, orgulhoso em ler resenhas assim, pois livros como esse apostam em momentos históricos e os recriam com elementos de nossa cultura e folclore: ricos, porém pouco explorados.

  3. Ivo Heinz Says:

    Bem, nunca fui lá muito fã de Fantasia, tirando obras clássicas como “Senhor dos Anéis” ou a série “Terramar” (Ursula K. LeGuin), sempre li muito mais FC mesmo.
    E, do pouco que eu lia de Fantasia, achava ruinzinho, com pouquíssimas exceções (como “A Mãe do Sonho” do Ivanir Calado).
    Pensava que era meio culpa minha, por não curtir muito situações do tipo “fez um feitiço e pronto”.
    Mas o Saint-Clair aqui em cima lê bem mais Fantasia que eu, e respeito muito seu know-how.
    Bom, cabe ao próprio mercado separar o joio do trigo.
    De qualquer forma, devo começar a ler em breve “O Reino das Névoas” da Mila F.
    Afinal de contas, nem só de FC ou História Alternativa vive o Tio Ivo, hehehehehe.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: